segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Gêmea da Mona Lisa descoberta da Espanha - La Gioconda de Leonardo da Vinci em nova versão


Quadro da Mona Lisa descoberto  no museu do Prado em Madrid pode mudar a história da arte.

O que a princípio parecia ser apenas mais uma cópia caprichada do famoso quadro de Leonardo da Vinci 'A Mona Lisa', contendo entre outras modificações um fundo escuro e um par de sobrancelhas extras pode significar uma reviravolta na história desta que é considerado um dos quadros mais importantes de todos os tempos.
Os curadores do museu de arte nacional da Espanha anunciaram ontem uma impressionante descoberta: o quadro da Mona Lisa encontrado foi de fato pintado por um artista trabalhando no atelier de Leonardo da Vinci. E o que ainda é mais surpreendente: O quadro foi pintado ao mesmo tempo que Leonardo Da Vinci pintava a Monalisa original.
A descoberta vai permitir que se obtenha mais detalhes sobre como Leonardo da Vinci criou a Mona Lisa.
"É como se estivéssemos no próprio atelier, e no cavalete ao lado você pudesse ver que o artista estava trabalhando passo a passo com Leonardo da Vinci. Quando Leonardo fazia uma alteração, ele também mudava algo em seu quadro"  afirmou Gabriele Finaldi,  uma das restauradoras que trabalha na pintura.

O quadro encontrado no museu de Madrid seria a primeira cópia conhecida da famosa pintura de Leonardo da Vinci. A imagem surpreendente de uma paisagem foi descoberta enquanto estava recebendo os retoques finais de  uma restauração que já dura 2 anos. A obra de arte seria emprestada para ser exibida em março no museu do Louvre em Paris. Por causa disso os restauradores resolveram dar uma revitalizá-la. Antes disso eles precisavam analisá-la  com infravermelho e raio-X. Ao fazer isso eles descobriram a paisagem que estava oculta por trás de um fundo escuro.
 
Os curadores acreditam que o autor dessa cópia do retrato da Mona Lisa seja um dos alunos favoritos de Leonardo da Vinci, chamado Francesco Melzi.

Tendo sido protegida por séculos,  essa obra está no museu do Prado desde 1666.Inicialmente como a parte do acervo da coleção real  sendo depois convertida ao tesouro nacional. Durante todo esse período ela ficou armazenada sob as mesmas condições de temperatura e ambiente,o que fez com que essa cópia da Gioconda esteja em melhor estado de conservação do que a original.

No começo acreditava-se que essa ela teria sido pintada  por um pintor flamenco, logo após a morte de Leonardo. Mais tarde cogitou-se que ela seria obra de um italiano.

"Quando você olha para a cópia, você pode imaginar que é assim que a Mona Lisa se parecia, no século 16.Não são apenas os detalhes e o uso das cores. Ela foi protegido da luz e de terra por séculos. Então o que você vê  tem um aspecto muito confiável." Declarou Finaldi.
De fato, a cópia faz com a Mona Lisa, (provável o retrato da esposa de um mercador florentino chamada Lisa Gherardini),  se pareça ainda mais jovem e sedutora.

O chefe das restaurações de pinturas renascentistas, Miguel Falomir, afirmou que "Quando o raio-X revelou a paisagem, vimos que estava em condições absolutamente extraordinária. Foi a coisa mais surpreendente que apareceu  na nossa oficina de restauração nos 14 anos em que aqui trabalho "

Não é a primeira vez que obras importantes são descobertas através do uso da tecnologia. Em 2011, uma obra foi descoberta após uma análise com raio-x sobre um quadro tido até então como obra de um desconhecido. Uma outra imagem por baixo da pintura aparente revelou um auto-retrato do famoso pintor holandês Rembrandt. Também em 2011, uma provável figura do irmão de Napoleão foi encontrada por trás dum quadro de Francisco de Goya. Anteriormente, em 2008,  uma cabeça de mulher tinha sido revelada por trás do quadro  'Pedaço da Relva'  que Van Gogh pintou em 1887. 


Por muitos anos, essa cópia da Mona Lisa já era admirada pelos visitantes do museu do Prado em Madri, mesmo possuindo o  estranho fundo preto. Mas agora, a paisagem revelada por trás da tinta escura parece fazer com que a beleza de La Gioconda seja ainda mais realçada.
"Essa pintura sensacional vai transformar nossa compreensão do quadro mais famoso do mundo" publicou o periódico Art Newspaper, primeira publicação a mencionar o incrível achado histórico.

Fonte:


Direitos Autorais

É expressamente proibida qualquer forma de cópia integral de qualquer postagem deste blog. No máximo você poderá citar trechos dando os devidos créditos e colocando link para postagem original. Caso você não obedeça essa determinação arcará com a responsabilidade perante a legislação sobre direitos autorais.

Se você achar que algum post está utilizando trechos de textos ou imagens que de alguma maneira firam seus direitos, por favor entre em contato no email contato@rstri.com


Postagens populares