quinta-feira, 9 de agosto de 2007

Inusitado:De quem é o Pato?



Hoje fui surpreendido com um grito de espanto da minha esposa vindo do quintal de nossa casa. Imediatamente fui na porta e perguntei o que houve. Qual foi meu espanto quando ela me disse que tinha um pato em nosso terreno.

Que eu soubesse nenhum dos meus vizinhos imeditamente próximos criavam patos.

Antes de ver o bicho cheguei a cogitar alguma espécie de ave migratória que poderia ter feito um pouso de emergência ali, na onda do caos aéreo brasileiro. Mas aí vi o pato da foto aí. Não era definitivamente um desses patos selvagens que vemos voando no Discovery Channel.

Era um pato comum, desses chamados patos domésticos. Ou seria um marreco? Bem, enquanto minha esposa percorria a vizinhança perguntando de quem era o pato, eu fui à pesquisa e descobri que a confusão entre patos e marrecos é muito comum.

Segundo a WikiPedia:


No Brasil, é muito comum pessoas leigas confundirem patos e marrecos. Não somente pessoas "comuns", mas também a mídia e até mesmo alguns dicionários de línguas. Prova disso é que se procurarmos pela palavra "pato" em alguns dicionários de língua inglesa, achamado a a palavra "duck" e vice-versa. Além disso, muitas personagens Disney são traduzidos como "patos", como o Pato Donald e a sua família, que inclui o Tio Patinhas e os sobrinhos, quando na verdade eles são marrecos. O conto O Patinho Feio de Hans Christian Andersen, onde o dito patinho acaba por descobrir-se cisne, na verdade é um dito marreco e que acaba por descobrir-se cisne.


E a seguir essa comparação que permite distinguir entre patos e marrecos:

Os patos são originários da América do Sul e têm como nome científico Cairina moschata.
Os marrecos são originiários do
Hemisfério Norte e tem como nome científico Anas boschas.

Os patos não emitem sons altos. O macho emite um som que se assemelha ao de um assopro, enquanto a fêmea emite um som semelhante a algo como [fi'fi].

A marreca emite emite o típico "Quack" atribuído ao pato.

Pato em inglês é muscovy duck.
Marreco em inglês é simplesmente duck.

O corpo dos patos é "achatado" e fica numa posição mais horizontal.
O corpo dos marrecos é "cilíndrico" e assume uma posição mais empinada.

Os patos possuem carúnculas ("verrugas vermelhas") na cabeça e ao redor dos olhos — o macho mais que a fêmea — e seu bico é fino e comprido.

Os marrecos possuem a cabeça lisa e o bico chato e largo.
A cauda dos patos é comprida e tem uma forma que se assemelha a de um
leque.

A cauda dos marrecos é bem pequenina e se assemelha a um "pom-pom". O macho ainda possui, na cauda, uma pena encaracolada, fazendo um "cachinho" para cima.

O tempo de incubação de um ovo de pata é 5 semanas.
O tempo de incubação de um ovo de marreca é 4 semanas.


Descobri também que as aves migratórias estão entre as preocupações das autoridades quanto a disseminação da gripe aviária que pode passar das aves para os humanos e que o pato, o marreco e o ganso, por exemplo, são portadores naturais do vírus e podem não desenvolver a doença.


De súbito minha esposa resolveu o mistério: Tratava-se de uma pata de uma vizinha há duas casas de distância da minha. A senhora falou que já estava preocupada porque logo pela manhã já havia sentido a falta do animal.

Entregamos a pata para a dona e restou apenas o pátio com a sujeira característica que os patos deixam prá trás em todo lugar que andam, como pode ser observado na própria foto as manchas no piso em torno da ave.

Direitos Autorais

É expressamente proibida qualquer forma de cópia integral de qualquer postagem deste blog. No máximo você poderá citar trechos dando os devidos créditos e colocando link para postagem original. Caso você não obedeça essa determinação arcará com a responsabilidade perante a legislação sobre direitos autorais.

Se você achar que algum post está utilizando trechos de textos ou imagens que de alguma maneira firam seus direitos, por favor entre em contato no email contato@rstri.com


Postagens populares